Centro de Comunicação e Expressão
  • A Direção do CCE ratifica a nota da Administração Central no que se refere aos eventos do dia 14/09 e segue com serenidade aguardando os desdobramentos da investigação

    Publicado em 15/09/2017 às 9:18

    A Administração Central da UFSC por meio da presente manifestação, reitera a posição expressa em nota pública divulgada na manhã desta quinta feira, 14/09/17, quanto à operação da Polícia Federal que culminou com a prisão do Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo e de outros quatro docentes da Instituição. Esclarecemos ainda que:

    • O objeto principal do inquérito policial são denúncias de possíveis irregularidades na gestão de projeto de educação a distância vinculado ao Programa UAB (Universidade Aberta do Brasil) financiado pela CAPES e executado na UFSC desde 2006;
    • As informações de que a investigação apura eventual desvio de R$ 80 milhões são equivocadas. Segundo a própria decisão judicial, o valor sob suspeita de eventual irregularidade é de R$ 515.392,00 (quinhentos e quinze mil, trezentos e noventa e dois reais) relativos aos anos de 2011 e 2015, portanto anteriores à gestão do Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo, iniciada em maio de 2016.
    • Do total de R$ 515.392,00, R$ 319.622,00 são referentes a pagamento de bolsas, objeto da investigação;
    • A própria CAPES, em sua página oficial, esclarece que a Polícia Federal investiga supostas irregularidades no programa Universidade Aberta do Brasil (UAB) junto à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que é executado desde 2006. A atual gestão tomou conhecimento pelo corregedor da UFSC das denúncias na referida instituição e maio de 2017. A CAPES solicitou acesso à apuração, mas não obteve resposta da corregedoria daquela universidade.
    • A Corregedoria Geral da UFSC, criada em abril de 2016, é órgão integrante da Reitoria, subordinando-se diretamente ao reitor em todas as matérias administrativas, na condição de secretaria especial. Todas as medidas adotadas pelo Reitor quanto a processos conduzidos no âmbito da Corregedoria limitaram-se às prerrogativas próprias da função de autoridade máxima da Instituição;
    • O Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo prestou à Polícia Federal todos os esclarecimentos requeridos em depoimento ao longo do dia, apresentando-se inteiramente à disposição das autoridades, bem como também foram realizadas todas as diligências necessárias nesta instituição, razão pela qual aguardamos o retorno do Reitor ao convívio acadêmico com a máxima brevidade;
    • Por fim, expressamos nosso respeito às instituições de estado, tenham elas status de apuração , investigação e correição, na defesa intransigente da autonomia universitária e da rigorosa apuração de irregularidades no estrito limite da observância dos princípios republicanos e democráticos.

    Florianópolis, 14 de setembro de 2017


  • Processo de Seleção 2018

    Publicado em 31/08/2017 às 9:02

    PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO E ADMISSÃO NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LITERATURA
    DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PERÍODO LETIVO 2018.

    Para maiores informações clique aqui.


  • Convite Para o Acordo Ortográfico

    Publicado em 12/08/2017 às 14:32


  • Semestre 2017-2 – Boas Vindas

    Publicado em 10/08/2017 às 11:52

    Desejamos um excelente segundo semestre a todos os servidores docentes, técnico-administrativos e discentes.

    Aos calouros, nossa saudação especial! Que possam encontrar no Curso que escolheram a realização pretendida.

    Continuamos nosso trabalho para o atendimento de nossas demandas e reiteramos a importância do compromisso de todos na manutenção de nosso patrimônio, construído e instalado.

    Ótimo semestre a todos!

     

    DIREÇÃO DO CCE

    Agosto de 2017.


  • Dia-a-dia CCE 06

    Publicado em 24/10/2016 às 14:15

    Bom dia a todos!

    O final do ano se aproxima e parece que nossas tarefas, cada vez mais, se avolumam. Assim, segue mais um informativo do CCE.

    1.      A direção, no dia 14 de outubro, teve uma reunião na PRODEGESP com a Profª Carla Búrigo e diversas questões referentes aos STAs do CCE foram encaminhadas. Saímos de lá com a certeza de que, nas próximas semanas, alguns de nossos problemas administrativos serão resolvidos;

    2.      Dia 06 de outubro houve a segunda vistoria do Corpo de Bombeiros ao Bloco D. Os serviços anotados na primeira vistoria foram executados, tendo sido feitas duas anotações novas. Essas foram executadas e, no dia 10, foi protocolada, na Prefeitura, nova solicitação de vistoria. No dia 13 de outubro, a SALVER entregou definitivamente as chaves do Bloco D para a direção! Mais uma conquista do CCE! Com os documentos na mão, a mudança começará a ser feita.

    3.      A ocupação do Bloco D irá liberar espaço para a organização de uma sala no Bloco B para videoconferências, destinada às pós-graduações. Outra ação para solucionar a falta de verba das pós-graduações para a realização de bancas de defesa foi a demonstração do sistema “mconf”- http://setic.ufsc.br/files/2014/07/Apresenta%C3%A7%C3%A3o-mConf-CCE-01-de-Julho-de-2016.pdf. Estamos encaminhando também ações de atualização da sala Machado de Assis. Uma delas foi a aquisição (por carona) de um novo computador para aquele espaço, além da instalação de uma TV.

    4.      A direção recebeu, ainda no final de setembro, os servidores Clóvis e Zélia, do DAC, os quais nos informaram que aquele Departamento está articulando um novo espaço para apresentações artístico culturais, entre elas o Projeto 12:30, e a recolocação da Concha Acústica em um local mais apropriado. Essas ações visam também a recuperação do jardim frontal ao Bloco A do CCE, cujo projeto é do paisagista Roberto Burle Marx.

    5.      Amanhã tem início o II Simpósio Brasil-Canadá: Identidades, literaturas e culturas em trânsito, que acontecerá nos dias 25/10/2016 – sala HASSIS – CCE térreo e 26/10/2016 – sala HASSIS – CCE térreo.  Compareçam!

    6.      Aqui, infelizmente uma notícia triste. No dia 15.10 faleceu a profa. Doloris Simões de Almeida, cuja vida transcorreu dentro da UFSC, no DLLE: foi professora, chefe de departamento, muito atuante na literatura (expressionismo alemão).  Aqui fica registrado nosso agradecimento e respeito pelo trabalho de nossa colega.

    7.      Como muitos devem ter notado, as paredes externas do CCE foram repintadas. O serviço de pintura foi executado nos blocos A, B e D eliminando as pichações.

    8.      Nossa coordenadora financeira, Greicy Bainha, nos encaminhou o seguinte balanço de suas atividades: 1. Foram realizados pedidos de diárias para 16 docentes; 2. Foram compradas 9 passagens; 3. Foram abertas 5 solicitações (contrato, fiscalização e empenho); 4. Foi encaminhado um processo de sonorização; 5. Foram realizadas 6 transferências de recursos. Além dessas atividades, a coordenadoria financeira ainda encaminhou diversas prestações de contas, realizou compras de material de consumo e permanente, deu apoio à secretaria da PGET na solicitação de 2 diárias, na compra de duas passagens e na prestação de contas das mesmas, além de ter realizado diversos orçamentos para compras futuras de diversos setores do CCE. Das compras já realizadas pelo setor, chegaram: as placas de acrílico para o bloco novo, 2 projetores foram consertados e chegaram os contentores de lixo, tripé e monopé, além de 5 fones de ouvido especiais.

    9.      Encerramos este boletim com uma moção de repúdio, encaminhada a nós pelo Departamento de Artes e que acreditamos deva ser replicada pela importância de seu conteúdo:

    O Colegiado do Departamento de Artes manifesta o seu repúdio às manifestações de ódio e intolerância registradas na Universidade recentemente, em espaço dedicado às atividades étnico-raciais. Por mais que a sociedade evolua intelectualmente ao longo dos séculos, a ideia de que um ser humano possa ser superior a outro permanece constante na mente de muitas pessoas. A educação é libertadora, compreender a complexidade da vida racional e sua evolução ao longo dos séculos, a sua preciosidade em relação aos demais seres vivos que conhecemos, faz de cada ser humano único e insubstituível. Em um mundo obscurecido pela mediocridade, que nós, universitários, possamos ser a luz. Florianópolis, 06 de outubro de 2016. Departamento de Artes. Centro de Comunicação e Expressão. Universidade Federal de Santa Catarina. http://art.ufsc.br

    10.  O Grupo de Redes realizou a manutenção preventiva, corretiva, formatação e reinstalação de sistemas/programas em 13 máquinas, sendo 10 (DLLE), 1 (Jornalismo), 2 (LabInfo). A equipe também realizou atendimentos aos usuários, através de solicitações via chamados emergenciais.


  • Cursos de Letras da UFSC também receberam 5 estrelas do Guia do Estudante da Editora Abril

    Publicado em 08/09/2014 às 10:54

     Os cursos de Letras – que compreendem Secretariado Executivo, Letras/Alemão, Letras/Espanhol, Letras/Francês, Letras/Inglês, Letras/Italiano, Letras/Libras e Letras/Português também foram classificados com nota máxima (cinco estrelas) pelo Guia do Estudante 2015 (GE), GE Profissões Vestibular 2015,  da editora Abril. O curso de Design obteve nota quatro quatro, e o curso de Cinema permaneceu com nota três, a mesma atribuída no Guia 2014. O curso de Artes Cênicas não foi avaliado.


  • Curso de Jornalismo da UFSC recebe novamente 5 estrelas do Guia do Estudante da Editora Abril

    Publicado em 05/09/2014 às 8:35

    O Curso de Graduação em Jornalismo da UFSC recebeu, nesta quinta feira, 04, a confirmação de que, novamente, foi avaliado como um dos melhores do país. Conforme mensagem encaminhada pelo Diretor de Redação do GE, Fabio Volpe, ao Coordenador do Curso, professor Aureo Moraes, “o curso de Jornalismo do(a) Universidade Federal de Santa Catarina – Florianópolis foi estrelado na avaliação de cursos superiores realizada pelo Guia do Estudante (GE) e constará da publicação GE Profissões Vestibular 2015, que passa a circular nas bancas a partir do dia 10 de outubro de 2014“.

    Criado em 1979, o Curso já formou, ao longo do seus 34 anos, 950 jornalistas e tem, atualmente, 210 alunos matriculados. Pioneiro em diferentes ações pedagógicas e políticas, foi o primeiro a definir-se como Curso de Jornalismo, não apenas como uma habilitação da Comunicação Social. Também inovou com práticas laboratoriais que permitiram e continuando permitindo aos alunos um conjunto de experiências que os aproximam do mundo do trabalho, como programas de Tv e Radio, portais de notícias na internet, além do jornal laboratório Zero. No currículo, propostas de associação entre teoria e prática e projetos de pesquisa e extensão que qualificam ainda mais a formação discente. O quadro docente, altamente qualificado, tem reconhecimento em várias entidades ligadas às investigações no campo do Jornalismo. Resultado desta qualificação foi a criação, pioneira, do primeiro Mestrado em Jornalismo e, neste ano, do primeiro Doutorado na mesma área.

    Também em sua estrutura é um dos mais bem equipados do país, com laboratórios que oferecem várias opções de ferramentas e processos em sintonia com as novas tecnologias.

    Para o Coordenador do Curso, as seguidas avaliações positivas demonstram a consistência do projeto, iniciado há vários anos e consolidado pelo envolvimento dos atuais e ex- docentes, técnicos e estudantes.


  • NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE FESTAS NA UFSC

    Publicado em 04/12/2013 às 8:16

    No dia 22/11/2013 os Centros Acadêmicos dos cursos de Arquitetura, Física, Geografia, Matemática, Química e Serviço Social realizaram uma festa não autorizada no Centro de Convivência. Tal evento ficou caracterizado como um descumprimento das normas institucionais, uma vez que os responsáveis não tinham nenhuma autorização da administração da universidade. Como é do conhecimento de todos, nesta festa ocorreram diversos problemas, inclusive a tentativa de assassinato de um dos presentes que foi baleado três vezes na rotatória do Centro de Convivência.

    Diante da gravidade dos fatos, a PRAE e as direções das unidades acadêmicas do CFH, CSE, CTC, CCS, CED, CDS, CCB, CCA, CFM, CCE e CCJ comunicam:

    1. A aplicação das medidas disciplinares previstas nas Resoluções 017/CUn/1997 e 002/CUn/2009 aos Centro Acadêmicos acima mencionados e respectivos responsáveis pela realização da festa não autorizada;

    2. A suspensão de repasse de qualquer recurso público às organizações estudantis que descumprirem as normas institucionais, em particular a resolução 002/CUn/2009;

    3. A suspensão temporária de qualquer autorização para festa na UFSC até que uma nova resolução sobre o assunto seja discutida e definida pelo Conselho Universitário;

    4. A criação de um Grupo de Trabalho (GT) para apresentar ao CUn, num prazo de 4 meses, uma nova proposta de resolução sobre o assunto.

    Além disso, solicita-se agilidade aos órgãos da administração central responsáveis pelo processo de implantação do controle de acesso de veículos no Campus da Trindade no período entre as 22:00h e 07:00h.

    Florianópolis (SC), 03 de Dezembro de 2013
    A nota já está publicada no site da PRAE, neste link:
    http://prae.ufsc.br/2013/12/03/atencao-nota-sobre-festas-na-ufsc/





  • UFSC tem 23 cursos com cinco estrelas no Guia do Estudante 2014

    Publicado em 02/09/2013 às 10:02

    UFSC tem 23 cursos com cinco estrelas no Guia do Estudante 2014

    A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) teve 23 cursos do Campus Florianópolis classificados com nota máxima pelo Guia do Estudante 2014 (GE), da Editora Abril, dos 40 avaliados. A divulgação foi feita para os coordenadores dos cursos de graduação estrelados, já que o Guia só chegará às bancas no dia 11 de outubro. O GE é uma referência para estudantes do ensino médio ao escolher a instituição de ensino, e realiza o ranking das melhores universidades públicas e particulares desde 2006. Dos 40 cursos avaliados no Campus Florianópolis, 23 receberam a pontuação máxima de cinco estrelas (excelente), 16 receberam quatro estrelas (muito bom), e um obteve três estrelas (bom).

    Os cursos com cinco estrelas foram: Administração, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Direito, Engenharia de Aquicultura, Engenharia Civil, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia Elétrica, Engenharia de Materiais, Engenharia Mecânica, Engenharia de Produção, Engenharia Química, Geografia, História, Jornalismo, Letras – que compreende os cursos de Secretariado Executivo em Inglês, Letras/Alemão, Letras/Espanhol, Letras/Francês, Letras/Inglês, Letras/Italiano, Letras/Libras e Letras/Português, Medicina, Nutrição, Odontologia, Química e Serviço Social.
     
    Os cursos com quatro estrelas foram: Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Biblioteconomia, Ciências da Computação, Design, Educação Física, Enfermagem, Engenharia de Alimentos, Engenharia Sanitária e Ambiental, Farmácia, Filosofia, Física, Matemática, Pedagogia, Psicologia e Sistemas de Informação. O curso de Cinema e Audiovisual recebeu três estrelas.
     
    Em relação à avaliação do Guia 2013, os cursos de Ciências Econômicas, Engenharia de Aquicultura, Geografia, Letras, Medicina e Nutrição subiram de quatro para cinco estrelas. Já os cursos de Agronomia, Educação Física, Enfermagem, Engenharia de Alimentos, Farmácia, Pedagogia, Psicologia e Sistemas de Informação, que haviam recebido cinco estrelas, receberam quatro estrelas nesta avaliação. O Curso de Design subiu de três para quatro estrelas e os demais receberam o mesmo número de estrelas do ano anterior.
     
    Para participar da avaliação, o curso deve atender a quatro critérios: ter a titulação de bacharelado ou bacharelado e licenciatura; possuir uma turma formada há pelo menos um ano; ter uma ou mais turmas em andamento; ainda funcionar no próximo processo seletivo; e ser um curso presencial. Os consultores atribuem conceitos aos cursos que vão de excelente (cinco estrelas), muito bom (quatro estrelas) e bom (três estrelas) até regular, ruim e “prefiro não opinar”. Cada consultor avalia geralmente 35 cursos, baseando-se no questionário respondido pelo coordenador do curso e no conhecimento sobre aquela área de graduação. Mesmo que não se preencha o questionário, o curso passa por avaliação.
    Saiba mais sobre cada curso de graduação da UFSC em: http://coperve.ufsc.br/cursos-da-ufsc/.

    Alita Diana/Jornalista da Agecom /UFSC


  • INGLÊS SEM FRONTEIRAS

    Publicado em 11/03/2013 às 8:38

    O Programa INGLÊS SEM FRONTEIRAS (IsF), iniciativa do MEC, tem o objetivo principal de possibilitar o aprendizado do idioma inglês, permitindo a participação de estudantes universitários no Programa Ciência sem Fronteiras. Leia mais, acessando o site oficial do programa: http://isf.mec.gov.br/.